quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Mortes por Acidente do Trabalho, até quando?

Santa Maria/RS - Era mais um dia normal de trabalho para Leandro Santos Rodrigues, 19 anos, mas acabou da pior maneira possível. O jovem foi prensado entre dois ônibus enquanto fazia a limpeza de um deles às 8h15min do dia 14/01 no parque de manutenção da Planalto Transportes, na BR-158, em Santa Maria. Rodrigues chegou a ser socorrido e levado por uma ambulância para o Hospital Universitário de Santa Maria (Husm), mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital perto do meio-dia.
O médico Alberto Riesgo, que realizou o primeiro atendimento a Rodrigues, ainda no local do acidente, conta que o jovem estava consciente e reclamando de muita dor até ser levado para o hospital. Riesgo diz que o jovem estava com lesões graves. Segundo informações do Husm, Leandro teve diversas fraturas, principalmente nas vertebras e no tórax, o que provavelmente procovou a morte do rapaz.
Segundo o diretor administrativo da Planalto Transportes, Alexsandro Ribeiro, Rodrigues estaria realizando seu trabalho – limpar os ônibus da empresa – quando outro coletivo manobrou para entrar na fila para a faxina e teria esmagado o jovem. A empresa ainda não sabe porque o ônibus que chegava na fila não parou antes de bater em Rodrigues.
– Não sabemos se ele (Rodrigues) estava passando na frente do ônibus ou se estava parado, se o motorista do ônibus não o viu. Não podemos precisar o que aconteceu porque todas as questões de segurança são respeitadas dentro da empresa. Mas já foi aberta uma sindicância interna, que está apurando os fatos, e a perícia também já foi feita – garantiu o diretor administrativo.
O corpo do jovem foi liberado por volta das 19h de ontem do Departamento Médico Legal (DML) e foi velado na Capela 3 do Hospital de Caridade. O enterro será hoje, às 9h, no Cemitério São José, em Itaara. Rodrigues trabalhava há quatro meses como lavador dos ônibus da Planalto Transportes. O jovem era solteiro, não tinha filhos, e morava com a família no bairro João Goulart, na zona leste de Santa Maria.

Fonte: Portal Diário de Santa Maria


20/01/10 12:37

Operários mortos soterrados estariam sem condições de segurança

Porto dos Gaúchos/MT - Operários morreram soterrados, no dia 8 de janeiro em Porto dos Gaúchos/MT. Ao que tudo indica eles trabalhavam sem as mínimas condições de segurança. Uma vala que já estava com cerca de 5 metros de profundidade era aberta à enxada e picareta para fazer a drenagem de água de um secador.
Pedro Joaquim Batista de 44 anos e Marinaldo Antonio de Araujo de 46 ficaram soterrados por cerca de 30 minutos até serem resgatados por companheiros. No local em que houve o desmoronamento ainda é possível ver rachaduras na parede de terra, o que deve causar novos desmoronamentos. Os dois são da cidade de Juara, para onde foram levados os corpos.
Parentes das vítimas informaram que oito homens trabalhavam na obra por volta das 15 horas, no momento em que houve o desmoronamento de terra na vala que estava sendo cavada e que acabou por soterrar três operários. Gidelson Jerônimo, de 28 anos, teve fratura na perna esquerda.
Policia Militar e Polícia Civil estiveram no local fazendo o levantamento das possíveis causas do acidente.

Fonte: 24 Horas News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Live Vídeo

AVISOS e DICAS

====================================================
Envie matérias para o Blog do Gerson Rocha: blog.gersonrocha@gmail.com
Questões Jurídicas: adv.gersonrocha@gmail.com
====================================================
VEJAM NOVOS ARQUIVOS PARA DOWNLOAD:

ASSISTAM AS MINI AULAS:
1. Ato Inseguro - Prof. Gerson Rocha
2. Mapa de Riscos - Prof. Gerson Rocha


=====================================================
POSTAGENS
=====================================================